20/05/2018

O LAJAREU NO PASAIA ITSAS FESTIBALA

Intensa participação do Lajareu nos encontros marítimos de Pasaia. Nesta estrea de Euskadi, inspirada nos encontros galegos de CulturMar, Galiza foi a convidada de honra achegando umha delegação de 150 persoas e 22 embarcações tradicionais de diferentes tipologias.



Entrada do veleiro clássico Kaskelot ("o Cachalote" em dinamarquês), mercante de três paus, construído em 1940 em Dinamarca por encomenda de Groenlândia. Hoje com bandeira britânica, adicando-se a eventos e lezer, inaugura o festival de Pasaia fazendo a entrada seguido polo resto das embarcações, coa excepción da dorna da Arousa Maristela que bolina ao seu encontro como vemos na imagem 😮.


Vila historica de Pasai Donibane na cara Leste da ria que acolheu umha parte da festa. Umha aperta ao Patxiku, que nos acubilhou na sua taverna à volta de cada jeira. Um basco que nos falou todo o tempo num fluido e enxebre galego.  Vinte anos indo ao Gran Sol fam muito! 



Aguardando o Kaskelot, e na esquerda o fondeio de Ondartxo onde tinha base a frota galega.



E como não!! A Moura do Lajareu a navegar por Pasaia comandada polos irmãos Cadaveira, e com passageiro basco experimentando o que é umha dorna.



A airexa do Norte nos quatro dias, facilitou a navegação no porto natural de Pasaia. O espaço não era muito para tantas embarcações e tam diferentes. Pode-se consultar aqui as fichas das embarcações participantes.



A Moura na empopada cara o porto industrial de Pasai Antxo. Por estribor Trintxerpe, o porto pesqueiro e "quinta província galega", onde estava instalado o espaço expositivo da Galiza.



Passo dum Carcarrier. A autoridade portuária restringiu todo o trânsito portuário alheio ao encontro nos quatro dias, agás estes navios, que eram anunciados de manhã. Uns potentes semáforos de três luzes vermelhas em vertical no monte obrigavam a despejar o canal meia hora antes.


Pola banda de Pasai San Pedro.




Patrão da Arousa à cana da Moura !!! Apertas ao Jose Chantada, bom patrão e  bo carpinteiro de Ribeira. Também ao Juan de Sueste, em Moanha, com quem naveguei no restaurado botinho inglês Domaio.



A famosa "motora" que está a passar gente todo o dia entre as duas bandas da ria (a verde à esquerda).




A Jatiña de Portonovo, gemelga da nossa Insuabela. Botou-nos umha boa mão levando convidados/as do Lajareu. Gracinhas David e tripulação!




Mais pavilhões galegos a ondear nas augas de Euskadi. A buceta Mar de Muros aparelhada com vela de relinga, a bolinar cara a boca da ria.



Uns amarres que fomos "negociando" na banda galega de Trintxerpe.



Galeão San Juan, em construção nos estaleiros de Albaola. Réplica a fazer-se com trabalho de voluntariado, ainda com vários anos por diante.




Na área galega, persoal de estaleiros Catoira de Rianxo a trabalhar num bote de Carril para a associação Rompetimóns. Réplica que vai renovar um dos dous únicos que ficam.



Ancoradoiro de Ondartxo, perto da boca da ria, com linhas de fondeio para a frota galega.



Posto de CulturMar, esse dia mui bem atendido por Mar de Pedra de Cangas e polo Lajareu de Ribeira (incluída umha nova marinheira que vem com muita força ;-).



Passa-ruas no dia da letras galegas. Forom milheiros de persoas as que visitarom Pasaia nestes quatro dias e viverom a festa do mar com sabor galego.



Equipa de patrões do Lajareu em Pasaia. Houve moito trabalho físico, organizativo, de contactos, etc. e alguns tivemos também tempo para navegar e troula.

Cumpre reconhecer desde aqui a malheira de trabalho da directiva de CulturMar para porem todo isto em marcha e levá-lo a bom porto nestes dias, numha contorna especialmente complicada para a logística e cumha complexa coordenação a muitas bandas. E polo Lajareu, o nosso Marcos, cumha adicação sem paraje e um trabalho impagável em representação do nosso clube. Os parabéns, apoio e agradecemento a toda a equipa de CulturMar e do Pasaia Itsas Festibala!


Álbum de Pasaia 2018










14/05/2018

REGATA DE INVERNO - 3ª PROVA

Terceira prova desta regata de inverno-primavera de dornas a vela do Lajareu de Ribeira. Nesta singradura com ventos moderados de força 4 do N e NW, e refachos importantes na abra de Ribeira. Céu azul com nuvens e temperatura do ar fresca, de menos de 10ºC, que pesa na vela.

Abrimos a crónica com este vídeo do passo polo sinal do Camouco e detalhe de viradas.




A Praia das Carolinas, no bordo de Coroso rumo a Ilha dos Ratos, na popa da Volandeira.



A Xaimiña passando os Ratos para virada completa e a percorrer a baía de novo.



Parte da flotilha rumo as Ínsuas deixando o Lajareu a estribor, para continuar polo Camouco, Airoas e linha de meta diante do Náutico de Ribeira.



Espetacular a flexão do pau da Lusiña, sobrepassando todos os límites no  aproveitamento do vento na vela, mas a dorninha bem adrizada.





Parabéns a todas as tripulações, que entrarom pola linha de meta na orde seguinte:

  1. Lusiña
  2. Volandeira
  3. Fiuza
  4. Xaimiña
  5. Praia das Carolinas 

Vai de seguindo o album completo com mais fotos e vídeos feitos polo juiz (e fotógrafo oficial ;-) Chema.

Álbum de fotos e vídeos do 3ª regata de inverno do lajareu

01/05/2018

REGATA DE INVERNO - 2ª PROVA

O sábado 28 realizou-se a segunda regata deste ano. Sete dornas tomárom a saída que era em Coroso com umha boia de desmarque frente ao náutico.



A seguinte baliça foi o Lajareu, também por babor. A partir de aí formou-se um grupo de cabeça com a Lusiña, a Volandeira e a Zoa, seguidas pola Fiuza e a mais distância pola Rabuda. 



Depois de deixar o Camouco por babor e Rua por estribor, as dornas tomárom um bordo cara a terra para deixar por babor umha boia em Coroso e enfilar a meta na boia de desmarque.



As condiçons de vento irregular nesta zona próxima a terra beneficiárom a Fiuza e prejudicárom a Zoa, que estivera no grupo de cabeça. 



A clasificaçom ficou assim:

  1. Lusiña
  2. Volandeira
  3. Fiuza
  4. Cachi
  5. Rabuda
  6. Zoa
  7. Praia das Carolinas

Vai de seguido a reportagem de fotos e vídeos, realizada por Chema.

Album da 2ª regata de Inverno de Dornas do Lajareu

17/03/2018

REGATA DE INVERNO - 1ª PROVA

E já aquecendo motores para a regata desta tarde... vai a crônica da primeira regata do ano que se disputou vai um més na abra de Ribeira, a primeira prova de inverno.

A ria pedia dornas e deu-nos um dia ótimo para encetar a jeira de regatas do Lajareu. Ventos de nordés, com força 3 nalgúm momento, e brisa case toda a regata rematando numha airexa ao solpor no último bordo. Mar calmo e boa temperatura.



Dá-se a saída pola banda do náutico, num percurso diferente do habitual. Cumpria estarmos atentos às marcas que havia que passar e fixo rosmar a mais de umha tripulação. Basicamente forom duas voltas entre as Ínsuas e a Ilha dos Ratos, passando sempre pola boia de saída em Coroso. (Primeiro apupo de saída às 16:35H)

E velaí temos a Moura entrando de primeira pola meta, contra o pouco que fica da praia das Carolinas, com Marcos à cana e Santi à tosta (...e sairom de últimos!)



E a clasificación foi:
  1. Moura (19:00H)
  2. Cachi (19:15H )
  3. Praia das Carolinas (19:18H)
  4. Vikinga (19:23H)
  5. Xaimiña (19:25H)
  6. Papoula (19:29H)

Parabéns a todas as tripulações por terem aberto a tempada e desfrutado com bom humor e deportivismo desta tarde. Também vai o agradecimento para o juiz Chema, e o seu grumete Bruno, como sempre presentes e posibilitando estas regatas, e também para Carlos Barcala que botou umha mão na Correosa co juiz.

Vai de seguido o album de fotos e vídeos feitos por Chema e Santi.

Álbum Regata Inverno Lajareu - 1ª prova

Continua a regata de inverno do Lajareu esta tarde (que promete estar mui bom), coa desputa da terceira prova às 16:00h. A segunda prova suspendeu-se hai quinze dias pola galerna e correspondente alerta laranja. Tendes nestas ligações o calendário e anúncio.





14/02/2018

ANÚNCIO DE REGATA DE DORNAS - INVERNO 2018 LAJAREU

O vindeiro sábado 17 disputa-se a primeira prova da regata de inverno de dornas a vela do Lajareu. Vai de seguido o anúncio oficial de regata:





Também podes descarregá-lo aqui: Anuncio de Regata Lajareu Inverno 2018.

Animamos a todas as tripulações e clubes de dornas a se achegarem por Ribeira para participar nestas provas de inverno. Saem dias mui bons para a navegar! 

02/02/2018

CALENDÁRIO DE REGATAS 2018

Já temos programadas as regatas de dorna a vela do Lajareu para 2018!

Vimo-lo de aprovar -entre outros assuntos- na assembleia anual ordinária do passado sábado. Velaí vai:




Como bem sabedes, as regatas de inverno e primavera disputam-se em quatro provas, ainda que a inscrição é independente para cada prova e cadaquem pode participar nas que queira ou poda. Entregam-se os troféus o dia da última prova de cada regata segundo a classificação por puntos. Rege o regulamento oficial da categoria "dorna".

Para as regatas de inverno, a saída (primeira pitada) é às 16:00; e para as de primavera, às 16:30, devendo passar antes polo galpom para fazer a inscrição.

A convocatória é aberta a todas as dornas que queiram participar. Animamos-vos!!